Alongamento antes ou depois de correr?

Saiba o que é e a importância do alongamento antes e depois da corrida para auxiliar na melhora da performance.

0
771

Você enquanto corredor já ouviu várias vezes falar de alongamento. A palavra é comum no universo running e extremamente necessária. E um dos grandes questionamentos é se o melhor seria fazer antes ou depois de correr.

Você sabe o que é?

O alongamento corporal é uma prática que envolve a extensão ou alongamento dos músculos e tecidos moles do corpo. Com isso você terá melhor flexibilidade, mobilidade articular e amplitude de movimento. Ele pode ser realizado antes ou após uma atividade física. Pode ser tanto uma forma de aquecimento ou resfriamento como uma prática clínica para melhorar a saúde e o bem-estar geral.

A indicação de alongar também existe porque ajuda a prevenir lesões musculares, melhorar a postura e reduzir a resistência e dor muscular. Ele pode ser feito de várias maneiras, como:

  • estiramento estático – o músculo é esticado e mantido em uma posição por um período de tempo;
  • estiramento dinâmico – o músculo é esticado através de movimentos repetitivos
  • estiramento assistido – o parceiro ajuda a esticar o músculo.

Antes da corrida é melhor pegar leve

A maioria dos especialistas (e os mais atualizados no setor running) concordam que é melhor fazer alongamentos leves antes de correr para preparar seus músculos para o exercício. A prática também aumenta a circulação sanguínea e com isso diminui o risco de lesões. No entanto, é importante evitar alongamentos intensos e estáticos, pois podem prejudicar o desempenho e aumentar o risco de lesões.

E como usamos o corpo todo para correr, é importante alongar pernas e braços, ok? É comum, por exemplo, ver atletas apenas naquela “puxadinha” na panturrilha. Contudo, movimentamos muitos músculos dos membros superiores, inferiores e core no ato de correr.

O que fazer no pós corrida

Após a corrida, a melhor pedida é fazer alongamentos mais profundos porque ajuda para ajudar a reduzir a tensão muscular, melhorar a flexibilidade e acelerar a recuperação. No entanto, é importante lembrar que o alongamento após o exercício não substitui um bom aquecimento e resfriamento adequado antes e depois do treino.

É importante lembrar que o alongamento deve ser feito com cuidado e moderação, evitando dor excessiva e risco de lesões. É sempre recomendável consultar um profissional de saúde ou de atividade física antes de iniciar qualquer programa de alongamento ou exercício.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui