42,125 km. Esta é a distância a ser corrida por um maratonista.

A maratona é amada por alguns, temida por outros e sonhada por muitos. É o desejo de muitos e a pergunta clássica: “já fez uma maratona”?

A pergunta de quem não fez para quem fez não deveria ser se concluiu uma maratona. Acredito que o questionamento correto seria: “o que muda ao completar uma maratona na sua vida?”

Muita coisa muda.

A disciplina entra na sua vida

O primeiro ponto é a sua disciplina. Fazer maratona sem treino exige esforço e uma rotina regrada de treinos, longões e coordenar seu corpo. Surge ai um novo atleta, aquele que acorda cedo para treinos acima de 20 km, com foco na dieta e em fortalecimento.

Você precisa arrumar tempo para treinar. A agenda começa a se firmar e a pontualidade surge.

A disciplina entra na sua vida sem querer. Sem programação não rola uma maratona. Salvo exceções, claro. Alguns atletas de outros esportes e aqueles casos raros de quem tem condicionamento e nem sabia disso podem ser essas exceções. Em mais de 90% dos casos, não treinar gera lesão ou não conclusão da prova.

Logo, você será um atleta amador disciplinado. Querendo ou não.

Melhora da autoestima

É fato: 42 km é muito chão para percorrer e concluir melhora sua autoestima. Muitos correm, mas ainda é uma longa distância e menos de 30% dos corredores de todo o mundo está na categoria dos maratonistas. Ter este título para si é animador, com certeza.

O corredor se sente bem consigo mesmo. Feliz. Com todo direito, claro! Ele treinou, foi lá e fez. Dedicou-se a si mesmo e sozinho fez isso. Afinal, é o tipo de coisa que não dá para outro fazer por você. Mérito seu!

O corpo se transforma

Percorrer longas distâncias ajuda a desenvolver a musculatura. O emagrecimento é apenas um dos benefícios, ainda vem o aumento de força, ganho de massa magra, perda de medidas, dentre outros.

O corpo do maratonista se molda para isso. Ele será mais forte. Terá pernas mais fortes.

Você sabe que pode ir além

Quem faz 42 km sente que pode ir além. Não há limites se houver treino e preparação. A mente entende isso e se sente plena. É uma conquista incrível.

É obrigatório? Não, não é. Já falamos isso no Podcast Papo Corrida umas 100x que não é preciso ser maratonista para ser corredor. É desejo, é vontade, é aquela coisa sentida de dentro para fora. Contudo, se a distância for percorrida, você vai se sentir bem.

Artigo anteriorUnder Armour lança tênis para running mais leve e rápido da história da marca
Próximo artigoFinalmente participamos de um evento-teste de corrida!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui